Cuidados que devemos ter com a "Beleza"


ShutterStock  Images /
Conheça os dez deslizes mais comuns – e perigosos – cometidos por homens e mulheres e saiba como evitá-los para não travar uma briga contra o espelho
1 Proteção solar
Usar filtro solar é medida de saúde. O produto, segundo o dermatologista Luiz Carlos Pereira, protege o corpo dos perigos dos raios ultravioletas, como o fotoenvelhecimento, o surgimento de rugas e tumores malignos. Só que para evitar as temidas manchas, queimaduras e alterações na pele, é preciso reforçar a aplicação a cada três horas. Escolha um produto indicado para sua pele.
2 Dormir com maquiagem
Esquecer de remover o make antes de dormir impede a pele de “respirar” durante a noite, tornando-a mais grossa e oleosa.
“A falta de limpeza tampa os poros e estimula a formação de acne e cravos”, explica Luiz Carlos Pereira. A tecnóloga em estética Jéssica Rosa orienta a remoção completa da maquiagem com sabonete neutro, seguido da aplicação de um tônico para equilibrar o pH da face. “Um bom hidratante, específico para o tipo de pele, também ajuda a manter a cútis fresca e saudável”, acrescenta.
3 Banho quente
Ainda que a água quente ajude no relaxamento, os benefícios de não expor a pele a sucessivos banhos quentes são compensadores. “Água quente em excesso desidrata e resseca, além de provocar a produção de óleo no corpo todo” esclarece a fisioterapeuta dermato-funcional Wanessa Menezes. Cabelos oleosos, a descamação do couro cabeludo e o surgimento de caspas são reflexos desse costume. “A pele tende a ficar mais fina e muito suscetível às interferências externas”, ressalta Maria Helena Verasquim, consultura em estética.
4 Cutucar a pele
Não se trata de uma simples mania. Beliscar ou espremer cravos e espinhas, constantemente, irrita a pele e mobiliza uma diversidade de bactérias, que são pressionadas para o sangue. Contaminada pela sujeira das unhas, a pele agredida fica superexposta à luz, tornando-se vulnerável à formação de inflamações e manchas. Se é tarde demais e as marcas já se instalaram, a consultora em estética Maria Helena Verasquim recomenda o tratamento com peelings seriados e, dependendo do caso, laser.
5 De olho na validade
Produtos vencidos colocam a beleza em risco. Passada a data de validade, os ativos do cosmético deixam de funcionar e provocam um “efeito rebote”, devido às alterações químicas que sofrem. “Um sabonete básico não causará danos maiores que irritação ou alergia. Mas produtos mais elaborados, como os que tratam acne, podem provocar reações graves na pele”, explica Maria Helena Verasquim. Conservar os produtos em ambientes muito quentes pode acelerar o processo de validade. “As condições externas interferem no produto”, alerta Wanessa Menezes.
6 Cosméticos da amiga
Cada tipo de pele tem características próprias e exige tratamentos específicos. Portanto, quem empresta ou “pega receita” de beleza com a amiga pode comprometer a saúde da pele. Wanessa Menezes alerta que essa prática pode potencializar a produção de óleo, além de causar alergias, irritações e infecções. Produtos manipulados merecem cuidados redobrados.
“O mais indicado é consultar um especialista antes de arriscar-se usando qualquer produto”, aconselha Luiz Carlos Pereira.
7 Hábito nada saudáveis
Fumar, descuidar da hidratação, exagerar nos alimentos gordurosos, não combinam com beleza. “Fumar envelhece a pele e deixa marcas nos dedos e nos dentes”, alerta o especialista em clínica médica Francisco Magalhães. A nutricionista clínca Marina Basy salienta que aliar hidratação regular a uma dieta rica em vitaminas, fibras e nutrientes funionais colabora não só com a beleza, mas também com a saúde.
8 Dormir pouco
Depois de uma noite mal dormida, no dia seguinte, lá estão elas: as bolsas, as olheiras e as linhas de expressão, que deixam a aparência cansada o dia inteiro. “O sono reparador é imprescindível para a qualidade de vida, pois enquanto dormimos, o organismo reconstitui todas as suas funções vitais e emocionais”, salienta Francisco Magalhães, especialista em clínica médica. Oito horas de sono por dia são ideais e recomendáveis para evitar o envelhecimento precoce e ter uma aparência melhor.
9 Chapinha em excesso
Altas temperaturas também são inimigas do cabelo. Quem não desgruda da chapinha ou do secador corre o risco de ter fios enfraquecidos, por causa da perda dos nutrientes. “Hidratações regulares e cuidados com produtos especiais são alternativas para quem não abre mão do look liso”, orienta o cabeleireiro Alan Zamariotti. Ele sugere ainda o uso de produtos que revestem o fio com uma película.
10 Exagerar nas plásticas
A conquista do corpo e rosto perfeitos não depende, exclusivamente, de intervenções cirúrgicas. Insistir em modificar a natureza por meio desses proces­sos pode criar uma aparência artificial, além do risco de ter cicatrizes leves e queloides. Para o cirurgião plástico Anacleto Basseto, lipoaspiração e plástica no nariz são as campeãs de intervenções repetitivas. “O paciente não deve depositar todas as suas expectativas na cirurgia, mas adotar práticas saudáveis no seu dia a dia”, recomenda ele, além de recomendar o acompanhamento médico.


Veja Tambem:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ola Amigos, deixe aqui seu comentario